Porque sabes que eu estou aqui. Porque eu sei que me sabes ler no silêncio.
Sexta-feira, 12 de Agosto de 2005
Aquela música

O telemóvel despertou-me um sorriso. Uma mensagem tua, estavas a ouvir "Si tu no estas aqui me falta el sueño no quiero andar así latiendo un corazón de amor sin dueño. Si tu no estas aquí no se que diablos hago amandote". Sorri, cantarolei a música baixinho. Sorri porque te lembraste de mim, sorri por me lembrar da música pensando em ti. Depois refastelados na música, embrulhados pelo sofá e, meio distraídos, pedaços da minha pele a cobrir a tua em festinhas demoradas. O teu copo está vazio, outra vez. Quando damos por nós estamos a perder roupa, que com este calor infernal está sempre a mais. Demoro-me nas tuas curvas, beijamo-nos e, antes de adormecermos abraçados, dizes "gosto de ti" e eu calo-te com mais um beijo.
Sabemos que é a verdade, é a verdade toda, ainda que depois regresses à banalidade de outra pele e outro vinho e outra música, sempre que voltamos sabemos que é bom e gostamos de ser assim felizes de vez em quando.


publicado por SigurHead às 23:43
link do post | comentar | favorito
|

pesquisar
 
Junho 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


posts recentes

Apenas quando o mundo nos...

Anoitece devagar

Mas comigo era diferente....

Tanto para te dizer

...

Não digas a ninguém

Dei-me sempre mais do que...

Luminoso afogado

Roída a dor muda

Antídoto

arquivos

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

links

Free Website Counter
Indicador de Status