Porque sabes que eu estou aqui. Porque eu sei que me sabes ler no silêncio.
Sexta-feira, 14 de Abril de 2006
Ne me quitte pas
Ne me quitte pas
Não me deixes

Ne me quitte pas
Não me deixes
Il faut oublier
É preciso esquecer
Tout peut s'oublier
Tudo se pode esquecer
Qui s'enfuit déjà
Que já para trás ficou
Oublier le temps
Esquecer o tempo
Des malentendus
Dos mal-entendidos
Et le temps perdu
E o tempo perdido
A savoir comment
A querer saber como
Oublier ces heures
Esquecer essas hora
Qui tuaient parfois
Que de tantos porquês
A coups de porquois
Por vezes matavam
Le coeur du bonheur
A íntima felicidade
Ne me quitte pas
Não me deixes
Ne me quitte pas
Não me deixes
Ne me quitte pas
Não me deixes

Moi je t'offrirai
Oferecer-te-ei
Des perles de pluie
Pérolas de chuva
Venues de pays
Vindas de países
Où il ne pleut pas
Onde nunca chove
Je creuserais la terre
Escavarei a terra
Jusqu'après ma mort
Até depois da morte
Pour couvrir ton corps
Para cobrir teu corpo
D'or et de lumière
Com ouro com luz
Je ferais un domaine
Criarei um país
Oú l'amour sera roi
Onde o amor será rei
Oú l'amour sera loi
Onde o amor será lei
Oú tu serás reine
E tu a rainha
Ne me quitte pas
Não me deixes
Ne me quitte pas
Não me deixes
Ne me quitte pas
Não me deixes

Ne me quitte pas
Não me deixes
Je t'inventerai
Inventar-te-ei
Des mots insensés
Palavras absurdas
Que tu comprendras
Que tu compreenderás
Je te parlerai
Falar-te-ei
De ces amants-là
Daqueles amantes
Qui ont vu deux fois
Que viram de novo
Leurs coeurs s'embraser
Seus corações ateados
Je te raconterai
Contar-te-ei
L'histoire de ce roi
A história daquele rei
Mort de n'avoir pas
Que morreu por não ter
Pu te rencontrer
Podido conhecer-te
Ne me quitte pas
Não me deixes
Ne me quitte pas
Não me deixes
Ne me quitte pas
Não me deixes
 
On a vu souvent
Quantas vezes
Rejaillir le feu
Se não reacendeu o fogo
D'un ancien volcan
Do antigo vulcão
Qu'on croyait trop vieux
Que julgávamos velho
Il est parait-il
Até há quem fale
Des terres brulées
De terras queimadas
Donnant plus de blé
A produzir mais trigo
Qu'un meilleur avril
Que a melhor Primavera
Et quand vient le soir
E quando a tarde cai
Pour qu'un ciel flamboie
Vê como o vermelho e o preto
Le rouge et le noir
Se casam
Ne s'épousent-ils pas
Para que o céu se inflame
Ne me quitte pas
Não me deixes
Ne me quitte pas
Não me deixes
Ne me quitte pas
Não me deixes


Ne me quitte pas
Não me deixes
Je ne vais plus pleurer
Não vou chorar mais
Je ne vais plus parler
Não vou falar mais
Je me cacherai là
Escondo-me aqui
A te regarder
Para te ver
Danser et sourire
Dançar e sorrir
Et à t'écouter
Para te ouvir
Chanter et puis rire
Cantar e rir
Laisse-moi devenir
Deixa-me ser
L'ombre de ton ombre
A sombra da tua sombra
L'ombre de ta main
A sombra da tua mão
L'ombre de ton chien
A sombra do teu cão
Ne me quitte pas
Não me deixes
Ne me quitte pas
Não me deixes
Ne me quitte pas
Não me deixes
Ne me quitte pas
Não me deixes

Jacques Brel


Johnny Hallyday - Ne me quitte pas mp3
Johnny Hallyday - Je t'aime je t'aime je t'aime mp3

 



publicado por SigurHead às 15:04
link do post | comentar | favorito
|

2 comentários:
De leonardo a 15 de Abril de 2006 às 14:31
sem dúvida que há músicas e letras que ficarão para a eternidade. tenho a certeza que esta é uma delas. a força de uma letra na suavidade de um conjunto de notas numa pauta... cantada (na minha versão favorita) por uma voz incomparável como a de Jacques Brel.

mas mais que isso... a força de uma frase... ne me quitte pas...


De SILVERSTEIN1967 a 4 de Junho de 2008 às 19:02
REALMENTE, ESTA CANÇÃO CRIADA EM 1959 PELO GRANDE JACQUES BREL, FOI REGRAVADA EM MAIS DE 200 VERSÕES.

EU FIZ UMA COLEÇÃO DE VERSÕES VUSCADAS DEDO A DEDO E JUNTEI TUDO NO SEGUINTE LINK. E ESTÁ A DISPOSIÇÃO AOS AMANTES DESTA MARAVILHOSA CANÇÃO.

ABRAÇOS.
http://www.4shared.com/dir/7410563/b6d34b7c/NE_ME_QUITTE_PAS.html


Comentar post

pesquisar
 
Junho 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


posts recentes

Apenas quando o mundo nos...

Anoitece devagar

Mas comigo era diferente....

Tanto para te dizer

...

Não digas a ninguém

Dei-me sempre mais do que...

Luminoso afogado

Roída a dor muda

Antídoto

arquivos

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

links

Free Website Counter
Indicador de Status