1 comentário:
De Anónimo a 26 de Janeiro de 2005 às 23:13
E incrivel como por vezes demonstras conhecer-me tão bem... deixas-me perplexo de olhos vidrados no monitor. Tantas vezes li este capitulo mas nenhuma delas me tocou tanto, e olha que de todas as outras fiquei sempre de lagrima no olho. O principezinho uma verdadeira e unica obra prima literaria por muitos incompreendida. Fico feliz por teres demonstrado compreende-la, mas não me admiro, não esperava outra coisa de ti. Adoro-te

</a>
(mailto:)


Comentar post